14/03/16

Encostados ao primeiro lugar


O título é só uma brincadeirinha. Aqui no estabelecimento falamos mais de bola propriamente dita, ou pelo menos tentamos.

A semana passada foi exigente, e talvez a equipa se tenha ressentido disso. Nem que fosse na parte mental da coisa, pois foram dois jogos seguidos a exigir muita concentração. Esta época, jogando bem, mal, ou mais ou menos, a equipa lutava com o que tinha. Hoje encostaram-se um pouco à sombra da bananeira, mas chegou para ganhar.

Não vi o empate do Tondela em Alvalade, mas servia de aviso. Marcar cedo, e pouco depois fazer o segundo, deu tranquilidade à equipa e as coisas começaram a sair melhor.

Nélson Semedo voltou ao 11 titular em jogos do campeonato. Quando se aleijou, o Benfica ainda estava com o chip dos cruzamentos. Não acho André Almeida nenhum prodígio, mas está a fazer uma óptima época. A meu ver, algo injusto meter o miúdo a titular hoje.

Jonas continua a espalhar futebol pelo campo mas... calma, ele não marca nos jogos grandes! Portanto não presta.

Falta menos um jogo, e para a semana não há Jardel (um amarelo numa desatenção) e Mitroglou (que falta de concentração, é inadmissível levar um amarelo destes a não ser que seja propositado - e não foi). É uma deslocação, e com o aproximar do final do campeonato serão cada vez mais complicadas, quando defrontarmos equipas a lutar pela manutenção.

Uma palavra final sobre o árbitro de hoje - miserável. A quantidade de lances mal ajuizados em todo o campo foi gritante. Como é que um tipo destes apita na principal liga portuguesa?


1 comentário:

  1. Estamos encostados assim como o Imperador foi "encostado".#juntos.

    ResponderEliminar